Harmony Clean Flat Responsive WordPress Blog Theme

Projeto Além da Estante | 5 livros que achei na biblioteca e entraram na lista de leitura

segunda-feira, junho 13, 2016 Naiane Aline 1 Comments Category : , , , ,

Eu já falei das vantagens de frequentar um biblioteca pública e citei 3 bons motivos para frequentar uma biblioteca, e um desses motivos era, justamente, o acervo variado. Parece uma contradição, já que a fama das bibliotecas públicas nos fala de um espaço com livros muito velhos e clássicos brasileiros que nem todo mundo está tão interessado assim em ler.

Bem, essa foi, certamente, minha primeira surpresa ao explorar esses espaços tão bacanas. Me surpreendi tanto, que ainda encontrei alguns livros que já tinha interesse em ler, ou então que me chamaram a atenção já dentro do acervo de lá. Esse post é uma reunião de livros que encontrei (ainda bem!) na biblioteca e entraram na minha lista de leitura.

Outras pessoas já escreveram por ai sobre as vantagens de frequentar bibliotecas, inclusive blogueiros literários! Para não dizer que sou só eu que estou dizendo que estar dentro de uma biblioteca é uma experiência muito melhor do que imaginamos, Guilherme, do blog Leitura fora de Série, e a Tânia, do Mini estante literária, também disseram isso. 

Se você é de Salvador e nunca frequentou - mas quer frequentar - uma biblioteca, recomendo bastante a da Fundação João Fernandes Cunha, que fica em frente ao Campo Grande e bem próxima do Teatro Castro Alves. É maravilhosa, e o acervo é mais acessível para os leitores explorarem do que a biblioteca dos Barris.



O rei do inverno - Bernard Cornwell 

Desde que vi o livro pela primeira vez na mão de um amigo, ainda no ensino médio da escola (quanto tempo isso não faz?!), quero ler a série As Crônicas de Artur do Cornwell. É de um gênero que eu gosto muito, e Bernard Cornwell é, definitivamente, uma referencia quando se diz respeito a histórias medievais. Porém, os livros dele são extremamente caros! Dai que encontrei os livros deles na biblioteca que passei a frequentar, e estou feliz da vida. Da biblioteca, já saiu minha leitura de O Condenado, um romance histórico com pegada de suspense policial, que também é do Cornwell .


Laranja Mecânica - Anthony Burgess 

Mas na minha lista de leitura tem clássicos também, ainda que não sejam clássicos da literatura nacional! Laranja Mecânica é quase uma leitura obrigatória pra vida, e já tem uns anos que a obra está em minha lista de leitura. Apesar desse ser um livro que eu adoraria ter em minha estante, vou apenas aproveitar - ao menos por agora - a disponibilidade da biblioteca para me salvar da crise financeira de uma desempregada como eu (haha). Já está na minha lista de futuras leituras!


O Despertar dos deuses - Isaac Asimov

Graças a deusa, clássicos da ficção cientifica são encontrados facilmente em bibliotecas. Dai que eu, uma leitora recente de Sci-fi, consigo encontrar os principais livros ali, ao alcance da mão, sem gastar nada com isso - o que, repito, é muito bom para alguém que está sem dinheiro, como eu. Isaac Asimov é um autor que preciso ler, e apesar de ter outros livros dele que eu gostaria de ler, O Despertar dos Deuses foi um que bati o olho na estante, e já quis. Já li outro clássico da FC por disponibilidade da biblioteca. O livro 2001 - Odisséia no Espaço foi, certamente, uma das minhas melhores leituras desse ano, e logo sai resenha. 


A viagem - Virginia Woolf 

Eu já conhecia Virginia Woolf apenas de nome, sabia que era um tipo de leitura importante, mas nunca havia procurado mais sobre a autora. Quando vi a coleção dela lá na biblioteca, decidi que estava na hora de saber mais sobre a autora. Me apaixonei completamente pela chamada técnica de Fluxo de consciência, que a Woolf muito utilizou e se tornou uma das referências, e decidi que leria T-U-D-O que pudesse da autora. Decidi, de acordo com uma dica dada por um texto do blog Livros e Café, que leria por ordem cronológica - do primeiro livro da autora até seu ultimo. Portanto, A viagem (1915) será uma das minhas próximas leituras. 


Bellissima - Nora Roberts 

Eu nunca havia lido Nora Roberts, até que comecei a frequentar bibliotecas. Comecei a leitura com um livro curtinho da autora, o Retratos de um Verão, e gostei tanto que decidi que leria mais livros dela. Me decidi por Bellissima, talvez, muito mais pelo nome do que por uma sugestão mesmo. Gosto bastante dessa mistura de romance adulto e suspense, que na mão de autoras como Linda Howard, vira de verdade um “novo gênero” de romance, e estou ansiosa para ver o potencial da Roberts dentro de obras desse tipo também. Vejamos!

RELATED POSTS

1 viciados comentaram

  1. Olá!
    Bem, nos últimos tempos, a única biblioteca que eu frequento é a da faculdade. Lá tem bons livros, mas estou sem tempo para ler. :/
    Os pdf's da vida estão me salvando. Leituras mais curtas, descompromissadas.
    Adorei as dicas. Quero ler Laranja Mecânica.
    http://ymaia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir