Review | Drama Hana Kimi

Nenhum comentário
crédito
Enquanto a maioria das pessoas foge, ou ao menos diz fugir, de produções clichês, eu não resisto a uma história previsível. Então, sim, eu comecei a assistir o remake taiwanês Hana Kimi muito mais pelo seu romance mais do mesmo do que por outra coisa. Afinal, se você está há algum tempo acompanhando animes e dramas asiáticos, deve conhecer mesmo de longe a história do mangá Hanazakari no kimitachi, apelidado de Hana Kimi, que originou o anime homônimo e não apenas a adaptação de drama taiwanesa, como também uma japonesa.

A história tem uma premissa já conhecida e explorada em diversas outras histórias, que são as protagonistas que fingem ser homens dentro de uma escola masculina ou lugares em que são forçadas a conviver apenas com rapazes. Em Hana Kimi, a jovem Rui Xi, que mora nos Estados Unidos há muitos anos, decide fazer essa loucura para conhecer e conviver com o amor de sua vida - um atleta e estudante chinês que ela acompanha pela televisão há um tempo. O problema? Ela teria que estudar numa escola masculina sem levantar suspeitas sobre sua identidade. E foi o que ela fez.

Por sorte, azar ou apenas brincadeira do destino, ela foi alocada para ficar no mesmo quarto que o próprio Zi Quan, seu idolo. E o cara parece ser ainda melhor pessoalmente, o que rende cenas ainda mais engraçadas. De fato, apesar de ser um drama pautado para ser um romance, Hana Kimi está mais próximo da comédia, com suas atuações exageradas e cenas cômicas.

Ella Chen, atriz que interpreta a Rui Xi, foi maravilhosa na personagem, por sinal. Como toda a história caminhou para algo mais voltado para a comédia, a interpretação dela exigia algo bem… diferente? Não sei explicar, mas ela se saiu bem como uma personagem fingindo ser homem. Ela é desaforada, uma menina escandalosa, mas ainda assim conseguia fingir bem seu papel como menino. Mas apesar da comédia toda, de todas as cenas loucas, era bem difícil sentir vontade de terminar os longuissi(iiiiiiiiiiiiiiiiii)mos episódios de mais de 1h10 de duração. Gente, MUITO LONGO!

Crédito

Eu tive a sensação, e não foi só uma vez, que eu estava assistindo dois episódios em um só. O roteiro foi muito mal feito, então muitos episódios acabavam sem um clímax interessante que desse aquela sensação de “quero continuar vendo pra saber o que acontece”, sabe? Esses ganchos se perdiam no meio do episódio, então muitas vezes eu parava no meio mesmo e deixava para assistir depois, pra ver se me estimulava a terminar de assistir o drama todo.

Veja bem, não é que a história seja chata - é bem divertida e o romance é fofo, apesar de seus limites -, mas faltava alguma química maior entre os protagonistas e o roteiro parecia ainda mais perdido quando o drama passou da metade. Até o 5º episódio, mais ou menos, a história mantém um ritmo gostoso, e a curiosidade acaba nos vencendo; mas depois? Enfim. Eu ria pra caramba durante os episódios, mas, muitas vezes, sentia uma preguicinha de levantar da cama pra botar mais um episódio de Hana Kimi.


Crédito

Nesse ínterim, demorei uns 2 meses para assistir tudo. O tamanho dos episódios não ajudava muito, também. Porém, alguns pontos que considero importantes é com relação ao desenvolvimento das relações tanto entre Rui Xi e Zi Quan, quanto entre a menina e os amigos que acaba fazendo na escola masculina. O relacionamento entre Rui Xi e Zi Quan, apesar de não ter evoluído pra algo realmente estimulante para as fãs shippers, é bem sincero e parece de fato verdadeiro. Tomou os caminhos naturais de um relacionamento no nosso mundo real, e esse é o ponto positivo. O ponto negativo é que o último episódio deixou tudo em aberto, talvez com a promessa do drama ter mais uma temporada que nunca se realizou, então é sofrimento garantido para quem estiver em busca de um namoro entre o casal!

E, por fim, garanto que o drama é muito divertido e vale a pena caso você não tenha uma expectativa muito alta. Cenas muito engraçadas, altas loucuras e coisas bem esquisitas são marcos dessa adaptação, especificamente, e valeu as risadas que dei. Agora, se estiver em busca de um romance bem desenvolvido é melhor passar (bem) longe de Hana Kimi. A decepção, nesses casos, é certa!



Titulo original: Hua Yang Shao Nian Shao Nu
Gênero: Comédia, Romance
Ano: 2006
Episódios: 15
Duração: c. 01:15 h
Onde assistir: Viki
Nota: 3 de 5 estrelas | 7 de 10
Sinopse: Conta a história de Rui Xi, uma garota chinesa que morava nos EUA e que se apaixonou por um atleta de salto em altura chamado Zi Quan. Para ficar a lado do seu amado, ela convence seus pais a deixá-la estudar em Taiwan, só que esconde que pretende estudar na mesma escola que o seu ídolo, que é uma escola apenas para garotos. Então, Rui Xi, vai fazer de tudo para que não notem que na verdadeela é uma menina, enquanto tenta realizar seu sonho de ver Quan saltar e também de conquistar o seu coração.

Nenhum comentário :

Postar um comentário