Primeiras Impressões | Porque assistir Oh My Venus

Nenhum comentário
Quatro palavras, 24 caracteres e um sentimento: minha diva está de volta! Ah, meus caros… Não subestimem a paixão platônica de uma fã, mas também tenham calma; esse não será um post de exaltação da Shin Min Ah, a atriz protagonista de um dos meus dramas favoritos (My girlfriend is a gumiho). Na verdade, demorei um pouco pra saber que o k-drama mais popular em lançamento atualmente, o Oh My Venus, é estrelado pela Min Ah, mas, assim que descobri, corri para ver o primeiro episódio… E acabei assistindo os 8 já lançados de uma só vez. 



Oh My Venus tem tudo para conquistar uma apaixonada por comédia romântica coreana, mas seu encanto está em um detalhe. Ao contrário da maioria dos dramas asiáticos do gênero comédia\romance, os atores deste são muito bons, e não há aquela atuação quase caricaturada que fazem graça nos outros dramas do gênero. Isso aliado a uma história cativante e personagens fortes e únicos, em que a protagonista é uma advogada viciada em trabalho acima do peso, enquanto seu par romântico é um famoso - e podre de rico - personal trainer que passou os últimos anos treinando atletas de luta livre nos Estados Unidos.

Kang Joo Eun, representada por Shin Min Ah, costumava ser uma pessoa dentro dos padrões estéticos que a sociedade tem do bonito: magra, alta, cabelos pretos longos e covinhas na bochecha, só pra completar o charme. Mas agora, depois de 15 anos em um namoro com o seu primeiro amor e grande parte desse tempo dedicada quase que exclusivamente ao trabalho, ela parou de se cuidar e ganhou bastante peso. Isso não a afeta tanto quanto pode-se pensar logo de inicio, ela continua sendo uma protagonista de personalidade muito forte que sabe muito bem quem é, e o que acabou perdendo por situações da vida. Mas quando o namorado termina o longo relacionamento com ela e sua amiga da adolescência surge completamente diferente, ela pensa que está na hora de mudar de vida.

crédito: DramaFever

E é ai que entra Kim Young Ho, um homem que Joo Eun conheceu no aeroporto após uma situação meio constrangedora. O cara a salvou quando ela teve um mal-estar dentro do avião, e o destino parece aproximar cada vez mais os dois, em mais reencontros inesperados. No fim, ao descobrir quem o homem é - um famoso personal trainer -, ela decide insistir para que ele a ajude a perder peso. Exercício pesado, reeducação alimentar, vemos a personagem passar por todo esse processo de maneira bem cômica. A produção fez um trabalho com maquiagem\edição bacana, então pelo menos Jo Eun é gordinha de verdade no inicio do drama... Já assisti novelas asiáticas em que a personagem também era considerada gorda mas era bem magrinha.

O ponto interessante do drama é sua discussão de uma doença que nem sempre é diagnosticada: hipotireoidismo. Por conta da doença, Joo Eun não conseguia emagrecer mesmo após toda a seção de exercício e esforço pra comer menos e bem. O drama basicamente alerta que essa é a situação de muitas mulheres, que não entendem porquê ganharam peso tão rapidamente nem porque andam sempre cansadas ou passam por mudanças constante de humor. Quando começa a ser medicada, o corpo de Joo Eun parece recomeçar a funcionar e ela passa a emagrecer. Enquanto isso, a relação dela com o personal trainer vai se estreitando <3 Melhor casal, gente, melhor casal!

crédito: Dramabeans
O drama terá 16 episódios, que são lançados semanalmente. Para quem não tem costume de assistir produções asiáticas e não sabe por onde pode assistir, o DramaFever é a plataforma que está lançando o drama com exclusividade. Ou seja, na Coreia já foram lançados 8 episódios, e os 8 já estão em português no DramaFever, então corre, gambada! Mas o Viki.com também está lançando o drama traduzido, com um delay um pouco maior.

Dentre os destaques que já quero dar de antemão, o drama tem um episódio quase inteiro voltado para a discussão da violência contra a mulher. Numa cena genial (que se adequa bem ao cenário que encontramos ao redor do mundo), é discutida não apenas o tratamento nojento que a sociedade - inclusive as autoridades! - dão à violência contra a mulher, mas também como a mesma é violentada constantemente não apenas por seu agressor, mas pela carga de julgamento que a sociedade lança a ela.

“ - Vamos lá, não precisa acusar o cara. Ele pode perder o emprego por causa de um deslize, pode permanecer preso por isso. Você nem foi estuprada de verdade, não houve agressão. E quem iria querer te abusar, olhar só pra você! (apontando para a gorda Joo Eun)”

A abordagem do assunto, observando o padrão de produção coreana, chega a ser até ousada e muito necessária. Joo Eun levanta outras questões nessa mesma cena, questionando os policiais.

Fora isso, estou pronta para acompanhar os próximos episódios. Pronta e ansiosa! Tenho certeza que até o fim o drama não perderá esse ritmo gostoso que ele conseguiu manter desde o primeiro minuto até agora. Esperemos <3

E como uma imagem vale mais que mil palavras, ai está meu último artificio para convencer você, cara leitora (ou leitor), a assistir o drama. Eis o primeiro beijo - de verdade - do casal:


Oh My Venus
9 episódios de 16
Estrelado por: So Ji Sub e Shin Min Ah
DramaFever
Viki.com
Sinopse:Em um esforço para sustentar a sua família, Kang Joo Eun (Shin Min Ah) tornou-se uma advogada viciada em trabalho sem qualquer consideração pelo seu bem estar pessoal, ficando com excesso de peso, sem atrativos e deprimida no auge de sua vida, Joo Eun vai atrás de Kim Young Ho (So Ji Sub), um personal trainer de renome, que considera a saúde uma questão de bem estar pessoal. Pode Yong Ho com sua teimosia perfeccionista fazer com que Joo Eun tenha o seu corpo e coração de volta em forma?

Nenhum comentário :

Postar um comentário