Resenha | Extraordinário, de R. J. Palacio

8 comentários
Editora: Intrínseca
Páginas: 320
Minha classificação: 5/5 (favorito!)

Sinopse: August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso ele nunca frequentou uma escola de verdade... até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.
Narrado da perspectiva de Auggie e também de seus familiares e amigos, com momentos comoventes e outros descontraídos, Extraordinário consegue captar o impacto que um menino pode causar na vida e no comportamento de todos, família, amigos e comunidade - um impacto forte, comovente e, sem dúvida nenhuma, extraordinariamente positivo, que vai tocar todo tipo de leitor.


Resenha

Extraordinário que ganhou meu coração de uma forma extraordinária. Sempre li resenhas super positivas a cerca do livro, e quando comecei a ler fiquei com aquele receio de me decepcionar por criar muita expectativa, mas aconteceu totalmente ao contrário, eu totalmente me surpreendi com o livro e com personagens tão adoráveis! 

August, ou Auggie, tem dez anos e nasceu com uma síndrome genética, que tem como sequela a deformação facial, que faz com seu rosto seja bem diferente: olhos caídos, bochecha quase em falta, boca pequena e orelhas não muito visíveis. Por causa da síndrome ele teve que fazer várias cirurgias, que requeriam muito cuidado, e por isso, aos dez anos, ele ainda não tinha frequentando a escola. A mãe dele que "dava aulas" para ele em casa. Até que os pais dele, Isabel e Nate, decidiram que era hora que colocá-lo na escola, eles sabiam que não seria tão simples para o Auggie, e nem para eles. Pois por onde o Auggie passa ele atrai olhares, ele já não se importa tanto assim com as pessoas que olham (e com as crianças que às vezes falam palavras maldosas), mas a irmã dele, a Olivia, ou Via, ainda se incomoda muito.

Até que Auggie aceita ir para a escola, ele vai antes das aulas começarem e conhece a escola com alguns alunos que o diretor Sr. Buzanfa chamou, para que ele começasse a interagir com as crianças da escola. Jack Will, Julian e Charlotte, fazem um tour pela escola com Auggie, eles são tranquilos, exceto Julian, que não é nada discreto e pergunta o que houve com o rosto dele. Quando as aulas começam, e conforme os alunos começam a ver Auggie, o burburinho sobre ele começa. No primeiro dia na sala de aula, só Jack Will senta perto dele, as outras crianças parecem achar que se chegarem perto demais, podem pegar "a praga" - como em certa parte do livro é chamada a síndrome dele. Summer é a única que senta com ele no refeitório no primeiro dia de aula. Quando o livro é narrado por ela, vemos que ela sentou com ele porque sabe o quanto é complicado fazer amizades no primeiro dia de aula, ainda mais quando se é tão diferente das outras crianças. E eles se dão super bem, e criam uma amizade bem bacana.

"Quando tiver que escolher entre estar certo e ser gentil, escolha ser gentil." - Dr. Wayne W. Dyer

Mas como nem tudo é só flores, ocorre episódios de bullying com o Auggie. Depois Jack Will fala umas coisas muito ruins sobre Auggie (depois Jack Will diz o porque disso) e ele se afasta de Jack. Depois eles se entendem, e o Julian começa a deixar recadinhos nada legais nos armários de Auggie e Jack, mas eles não se importam tanto assim, porque também deixam recadinhos no armário de Julian, mas são recadinhos divertidos. Temos outros personagens secundários, que de uma forma também estão ligados ao Auggie, como o Justin (namorado da Via),  Miranda (amiga da Via) e Daisy (cachorrinha da família do Auggie).

O que mais me marcou no livro (várias coisas me marcaram) é quando a escola está em um acampamento  e lá acontece algo que mostra o quanto as pessoas não respeitam o diferente, mas também como é preciso acontecer alguma coisa para que as pessoas possam enxergar de ângulos diferentes o que elas não se dão conta, porque não saem nenhum pouco da zona de conforto.

"Toda pessoa deveria ser aplaudida de pé pelos menos uma vez na vida, porque todos nós vencemos o mundo." - Auggie 

Por fim, esse é livro que me fez rir, chorar, me fez querer dá um abraço bem apertado no Auggie. Esse é um daqueles livros que não me esquecerei tão facilmente, e que, com certeza irei reler ele em breve.

"Faça todo o bem que puder, 
De todas as maneiras que puder,
De todas as formas que puder,
Em todos os lugares que puder,
Em todos os momentos que puder,
A todas as pessoas que puder,
Sempre que puder."
- Regra de John Wesley

Leiam e conheçam a estória tão adorável do Auggie! <3

8 comentários :

  1. Assim como você, também fiquei com medo de criar muitas expectativas acerca do livro, e acabar meu decepcionando. Mas não aconteceu, eu amei o livro, ele me conquistou totalmente. Adorei sua resenha! Beijos

    http://desfocandoideias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Noossa parece ser uma obra extraordinária mesmo! Eu tenho muita vontade de ler esse livro! Achei bacana o fato dele retratar uma síndrome genética e mostrar a superação de uma criança que a possui! beijos!
    Meu Diário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito legal a estória. Tenho certeza que você irá gostar! Depois que ler conta pra gente o que achou!
      :*

      Excluir
  3. Oi, tudo bem?

    Todo mundo fala tão bem que é impossível não querer ler. Vi que o livro mexeu muito contigo e fiquei tremendamente curiosa :') E ele sempre está tão baratinho nas lojas... Dessa vez não passa! hahaha

    Beijos
    http://www.carolice.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! Estou bem!
      Está baratinho mesmo! Li em ebook, mas amei tanto que vou comprar físico! <3 <3
      Lê e me conta o que achou!
      Beijo :*

      Excluir
  4. Ainda não li esse livro, mas ele parece ser tão tão tão lindo! E vejo ele sempre baratinho por aí, vou aproveitar para comprar :)

    Beijos,
    http://www.leitoraonline.blogspot.com.br

    ResponderExcluir