Artigo | Alguém aqui me lê?

11 comentários
Um dia desses acordei, abri a janela do quarto e me fiz essa pergunta.

Mentira. Tudo bem, talvez não tenha sido exatamente assim. Mas é algo que vem me incomodando há algum tempo, ao abrir os blogs literários e me deparar com o vazio de troca de ideias, algo que vá além do “Adorei o post” nos comentários. Não sei se isso é exatamente um problema, mas, da mesma forma como os jornais impressos estão em crise, buscando ar nessa sociedade muito virtualizada que prefere ler notícias via web, a própria internet está encontrando sua morte. Vazio de interesse, vazio de leitores. É o que eu vejo, ás vezes, quando entro em alguns blogs.


   Talvez eu esteja sendo um pouco exagerada, e, espero eu que haja pessoas lendo esse post e discordando vorazmente. Senão, apenas terei comprovada minha teoria.



Acredito que nunca houveram tantos blogs, de tantos assuntos, como hoje. A blogosfera literária, por sinal, foi uma das que mais vi crescer nesses últimos 3 anos. No entanto, a coisa mudou muito de forma. Se antes você prezava pelo conteúdo das resenhas e qualidade dos posts para começar a seguir um blog, hoje, basta que ele esteja fazendo uma promoção dando 1 livro, para que você aperte no botão que antes significava fidelidade. Se isso é ruim? Bem, não estou aqui para dizer o que é certo ou errado, tal qual uma deusa. Porém, é algo que me deixa triste, porque, principalmente, eu gosto da ideia de que estão lendo o que escrevo, e de ler o conteúdo dos blogs que sigo.


Mas vamos parar para pensar. Quantos dos meus 2000 seguidores só não estão nesse hall para participar de uma promoção? Quantos deles pararam para ler o conteúdo do blog, qualquer post que fosse? Quantos verdadeiramente estão interessados em entrar em blogs para ler resenhas de livros que desejam, ou trocar ideia com outros leitores? Não sei dizer se essas pessoas são muitas ou poucas, mas elas desaparecem no mar de seguidores-de-promoções. Como eu disse, não estou julgando isso como algo positivo ou negativo. Não estou fazendo papel de juíza, mas de analítica, principalmente porque comecei a desenvolver uma pesquisa para artigo sobre blogs literários e a nova forma de publicizar livros no Brasil.


        E me veio essa ideia: será que os blogs literários são, de fato, essa agulha toda? Será que eles são realmente uma plataforma de publicidade das editoras, mais eficiente que resenhas em jornais? Se for pelas promoções, acredito que sim. Pelas resenhas escritas, já não tenho mais certeza. E, sem essa certeza, como escreverei um artigo sobre o tema? Ele é atual demais para sequer existir outros autores escrevendo sobre o tema, de forma que alimentasse meu cérebro com mais informações sobre. Essa estudante de comunicação, que estagia num jornal de 100 anos e cheio de louros, mas que agora é fadado ao vazio de leitores, só queria entender. Só entender.

Alguém aqui me lê?

11 comentários :

  1. Pegou pesado com o "deparar com o vazio de troca de ideias..." mais eu leio Nai, e leio no trabalho, e não da tempo de comentar, e só compro livros depois que te leio, você tem uma forma única de passar tudo que o livro oferece sem deixa-lo desinteressante.
    P.S:Vou comentar mais.
    Liza Cristina
    lizaebeth.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Liiiizaaaa, hahaha

      Tenha calma, foi um texto analitico apenas! Não estou falando do meu blog em particular, mas dos blogs que visito, e noto que andam mais parados. Parece que os leitores vão sumindo aos poucos.

      Como eu disse, eu estava pensando no tema pra escrever um artigo academico sobre blogs literários. Mas acho que vou acabar desistindo porque é de fato complicado pesar isso que você falou: tem gente que visita, mas nao comenta... mas visitou o blog. Como quantificar essas pessoas e o impacto do que o blog publicou? Complexo, complexo hahaha
      Beijos *-*

      Excluir
  2. Nossa, tu escreve muito bem.
    Olha, confesso que a maioria dos blogs que sigo, realmente comecei a seguir por causa de promoção. Algumas resenhas não leio porque o blogueiro fala da capa, fala da diagramação, fala da edição e nada disso me interessa. Eu só quero saber do se trata a história e se, na opinião dele, vale ou não a pena ler. A qual história aquele ivro se assemelha? Só isso.
    As vezes eles falam demais e acabam não falando nada.
    Mas essa sou eu. Tenho certeza que tem gente que lê tudo e gosta. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Bia!

      Entendo o que quer dizer, haha. A lista de blogs que visitoé bem curta, porque uma parte dos blogs literários nao possuem resenhas tao interessantes assim, como voce mesma comentou.

      O texto que escrevi não é exatamente uma frustração minha, mas uma indagação que fiz ao começar a pensar no artigo academico sobre blogs literários. Tô quase desistindo de escrever o troço! hahahaha E, aliás, nao é errado seguir blog pela promoção, como eu disse, não estou julgando, mas analisando o fato!


      Obrigada por seu comentário! :D

      Excluir
    2. Sim, tem blogs com resenhas gigantescas. Pelo menos alguns que eu acompanho dividem o conteúdo da resenha, então fica mais fácil de ler e se não quiser ler alguma parte é tranquilo. Mas se não me engano certas editoras exigem um número de palavras...

      Excluir
  3. Entendo seu sentimento. Eu mesma acabei seguindo vários blogs por causa de promoção, mas tenho que "defender" de certa forma o leitor. Pois eu seguia alguns blogs, daí esses blogs fazem promoção em parceria com outros, muitas vezes que a gente não conhece, e é obrigado a seguir para participar. Foi assim que eu comecei, pelo menos. E outra, em geral os blogs "parceiros" são pequenos, só querem angariar seguidores por causa de promoções. Às vezes o conteúdo é bom, e a gente acaba acompanhando de verdade.
    Outro ponto que preciso comentar é que os grandes blogs tem resenhas demais, várias por semana. Acabou que eu não conseguia mais acompanhar. Sem contar que quase toda resenha que eu lia me dava vontade de ler o livro, e dá-lhe comprar livro, não conseguir tempo pra ler e a lista de desejos do skoob só aumentando... agora raramente leio resenhas, só quando estou na dúvida de comprar um livro, pois os que quero muito nem leio a resenha pois sempre tem algum spoilerzinho.
    Ultimamente passo o olho no conteúdo, se me interessa eu leio. E raramente comento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Fernanda!

      Eu super entendo isso de seguir com promoção, hahaha. Eu tenho uma mania estranha: quando vejo promoção, olho todos os blogs participantes, mesmo quando não tenho vontade de seguir todos (afinal, promoção com uma porrada de blog é um porre pra seguir todo mundo e poder participar!). É assim que conheço muita coisa também, apesar de quase nunca seguir algo, haha

      E sobre a questão de resenhas, acho que esse é um problema quando seu blog passa a não ser apenas blog pessoal mesmo. Por exemplo, o VP tem mais 3 pessoas escrevendo além de mim, e elas podem não concordar em nada com esse post aqui. Entende? Produzir posts pessoais dentro de um grupo de pessoas é bem mais complicado, ai acaba ficando apenas nas resenhas mesmo!

      E, olha, minha lista de livros pra comprar tá do tamanho do mundo já, socorro hahaha

      Obrigada pela visita e por ter dado sua opinião ;)
      Abraços

      Excluir
    2. Pois é, hoje já estou mais seletiva nas promoções. Quando blogs demais sorteiam livros demais pra um vencedor nem participo, fora que as chances de ganhar são minúsculas...

      Excluir
  4. Oi!
    Vou te confessar que não sei em particular todos os blogs que sigo. Se aparece no meu Painel e ,me parece atrativo, eu venho e comento. Eu amo ver posts sobre a vida das pessoas, tanto que blogs que só são promoções eu nem vou. Já sei que não vou ganhar, e muitos são... chatos. Sei como você se sente. Sinto que as pessoas não se interessam pelo que escrevo; estão apenas retribuindo uma ida ao blog delas. Isso é bem triste, já que amo escrever. Pode ter certeza que depois desse post, Vício em Páginas vai ficar grudadinho na minha memória.
    Concordo com você. Sinto a falta de uma troca verdadeira de ideias. Agora parece só... publicidade.
    Ah, só leio resenhas de livros que quero ler. Se eu nunca ouvi falar no livro, nem abro o link!

    Clara
    @clarabsantos
    clarabeatrizsantos.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Clara!

      Siiiiim, acho que uma coisa de nossa geração é a ausência de vontade de parar para analisar e discutir coisas. Talvez por isso os fóruns, que eram mania alguns anos atrás, tenham morrido. Alguns sobrevivem, mas nunca com o tamanho de discussão e troca de ideias como no passado!

      QUando quero ler um livro, sempre procuro nso meus blogs favoritos se há resenha deles também :D

      Obrigada pela visita e opinião!

      Abraços

      Excluir
  5. Seu post é super pertinente!
    o número de blogs só cresce, e todos querem conseguir visualizações, muitas vezes pra conseguir livros de graça de editoras (não que isso seja problema, só acho estranho manter um blog com esse único objetivo), e as promoções são uma boa forma de conseguir seguidores. Mas a partir da promoção, ter o seguidor, não significa que ele vai se tornar um leitor, e isso não quer dizer que o blog não é bom, mas que determinadas pessoas não se identificaram com ele, ou que ele é muito parecido com outros blogs já existentes.ou tantas outras possibilidades... Seria humanamente impossível ler assiduamente todos os blogs que acabamos seguindo, mas talvez um post num determinado dia chame a atenção, ou uma resenha específica... e aos poucos vai sendo criado um publico mais cativo, que é menor que o número de seguidores, mas são as pessoas que dialogam melhor com as ideias de quem escreve. E esse número vai ser cada vez mais fragmentado, exatamente pelo número grande de opções. Essa fragmentação, ou hiper especialização dos blogs/sites, acaba construindo públicos leitores cada vez mais específicos.
    Acho que esse tema dá muito pano pra manga, e muito assunto para um trabalho acadêmico também!
    Abraços!
    Fran

    ResponderExcluir