Resenha | Cuco (Julia Crouch)

5 comentários
Autora: Julia Crouch
Editora Novo Conceito
464 páginas 
Nota 7,5
Sinopse: Polly é a mais antiga amiga de Rose. Então quando ela liga para dar a notícia que seu marido morreu, Rose não pensa duas vezes ao convidá-la para ficar em sua casa. Ela faria qualquer coisa pela amiga; sempre foi assim. Polly sempre foi singular — uma das qualidades que Rose mais admirava nela — e desde o momento em que ela e seus dois filhos chegaram na porta de Rose, fica óbvio que ela não é uma típica viúva. Mas quanto mais Polly fica na casa, mais Rose pensa o quanto a conhece. Ela não consegue parar de pensar, também, se sua presença tem algo a ver com o fato de Rose estar perdendo o controle de sua família e sua casa. Enquanto o mundo de Rose é meticulosamente destruído, uma coisa fica clara: tirar Polly da casa está cada vez mais difícil.

O primeiro erro foi convidá-la para entrar...
“Cuco” traz na história (no início) o cotidiano de Rose, seu esposo Gareth, e de suas duas filhas (Anna, a mais velha, e Flossie, a caçula); que é abalado por completo quando o marido de Polly morreu (leiam e vão entender o porquê ;*)  e esta pessoinha (literalmente) implora para que ela e seus dois filhos (coincidência, não?) fiquem lá na casa de Rose por algumas semanas. Porém, as coisas fogem do controle da nossa protagonista principal (que é Rose) quando Polly se adentra mais e mais nos costumes dessa família aos moldes dos filmes hollywodianos, deteriorando cada vez mais o relacionamento entre a principal e Gareth (coisinhas do passado, que, aliás, é o único detalhe que dá realmente vontade pra qualquer um ler, como no meu caso).


       Pelo pouco que eu disse, vocês devem estar pensando que o livro é tudo de bom. Ahh, se fosse realmente bem estruturado, como uma história de suspense que a sinopse propõe, eu já estava muitíssimo feliz por isso! A estrutura básica para um livro desse porte mega complicado não é das melhores, mas dá pro gasto.


        O livro contém um bom enredo no geral, começando com uma trágica cena de morte (como aqueles começos “épicos” de filmes de terror), sendo esta uma das poucas cenas chocantes do livro. Contudo, a história em si rola de forma bem lenta, e tudo é narrado em primeira pessoa, ou seja, pela personagem mais chata do livro inteiro: Rose. Sem contar que boa parte do livro é marcado por drama (e agradeçam grandemente para nossa querida personagem principal, rainha do drama, Rose!).


       Como alguns devem saber, para ser um bom livro de suspense e de (ainda mais) romance, deve-se pelo menos ter uma descrição apropriada de cada momento e de qualquer cenário que aquele personagem estiver como também personagens com boa desenvoltura na estória e que tenham personalidade própria; não é bem isso que acontece em “Cuco”.


     Neste livro, os cenários são descritos na maioria das vezes como se fosse lugares pitorescos e interessantes de se conhecer mas são ditos de forma bem vaga, dando maiores detalhes apenas naquelas ceninhas “chocantes”. Quanto aos personagens, posso até concordar que cada um tem personalidade forte (claro que você conseguirá perceber algumas características predominantes de certos personagens apenas no meio do livro, mas compensa, né?), porém somente os principais conseguem desenvolver-se perante aos fatos; apesar disso tudo, eu odeio a Rose, pois ela é o motivo de o desenvolver da história ser tão devagar e monótono.



       Enfim, do livro da autora Julia Crouch, esperava muito mais, inclusive um final decente, mas não foi (para mim) o que eu tanto desejava num estilo de suspense. Por isso que, sinceramente, se alguém quiser ler, prepare suas vistas e sua paciência, pois ele é repleto de reviravoltas contendo neles mistérios e muitas intrigas pessoais de Rose (que são um saco!). 

Ass. Natbell (nee-chan de Arine-san)

5 comentários :

  1. Eu tenho curiosidade de ler esse livro. Já vi algumas resenhas e as opiniões são bem diversificadas. Inclusive, a respeito dessa "lentidão" da história.
    Acabei de ler um livro desse estilo. É muito chato.

    Adorei a resenha. Beijos!

    http://ymaia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá, visitei seu blog e achei ele muito lindo *-* Estou seguindo. Parabéns pelo trabalho!
    http://apenasumaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Eu ainda não consegui ler este livro, estava super curiosa, mas depois da resenha acho que posso esperar um pouco antes de ler.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Tenho esse livro mas ainda não o li. Ele será uma das próximas leituras que farei. Godtei da resenha.

    ResponderExcluir
  5. Nossa!! E eu aqui na inocência morrendo de vontade de comprar o livro para ler kkkk
    Gostei da resenha Nai, Parabéns.

    Beijos.
    http://livrosporumbeijo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir