Resenha | Quero ser seu (Bella Andre)

3 comentários

Autora: Bella Andre
Editora Novo Conceito
287 páginas
Nota 9
Sinopse: Ryan Sullivan sempre gostou muito de Vicki, a quem conheceu na adolescência, quando ela lhe salvou a vida: no estacionamento da escola, um carro desgovernado só não o atropelou porque Vicki o empurrou para longe. Desde então, eles se tornaram melhores amigos — pelo menos, melhores amigos até onde um homem e uma mulher lindos e sedutores conseguem ser...
O tempo passou, Vicki casou-se e se separou, e Ryan seguiu sua vida de solteiro. Até o dia em que Vicki pediu-lhe um favor: será que Ryan poderia fazer as vezes de seu namorado para afastá-la de um homem mal-intencionado e pegajoso?
Ryan não negaria esse favor a sua amiga, de forma alguma... Não só pelo carinho que nutre por ela, mas também por uma característica de sua personalidade: Ryan faz o tipo protetor (o tipo de homem com que toda mulher sonha em algum momento da vida).
Agora, depois de brincarem de namorados, será que os dois conseguirão manter a amizade de sempre?


Atenção! Livro não recomendado para menores de 18 anos. 
Finalmente começo a sentir que a Bella está acertando a mão em seus romances! Se nos livros anteriores eu critiquei cansativamente os amores irreais demais da autora, dessa vez eu dou os parabéns a ela. Quero ser seu traz os ingredientes certos para um romance erótico agradável: boa história, cenas hot’s e, principalmente, um casal com relação crível e fofa.


                Nesse enredo, temos mais um irmão solteirão Sullivan, dessa vez o Ryan. Não é necessário dizer muito para definir o que o personagem é e como age nesse romance... Digamos, apenas, que ele seja um alto, forte e ágil jogador de futebol profissional. Agora, unamos isso à beleza intrínseca aos Sullivan’s, e temos o cara que vai virar a cabeça de muitas leitoras da vida real – e moças das páginas ficcionais também. Mas o diferencial do livro não está em seu mocinho destruidor de corações, mas em como seu romance foi construído de forma a parecer um contos-de-fadas contemporâneo, com direito a amor de infância, donzela em perigo e vilões (sim, temos vilões nesse livro!).


                A sortuda da vez  responde pelo nome de Vikki. Artesã buscando reconhecimento pelo seu trabalho, a moça é amiga de infância de nosso jogador preferido, e, desde que se lembra, sempre teve uma queda (enorme, por sinal) pelo Ryan. O que ela nem desconfia é que o sentimento é e sempre foi recíproco. Agora, depois de quase 15 anos desde a ultima vez que estiveram face a face, a paixão promete explodir de maneira incontrolável... E que o descontrole venha, pois isso era tudo o que Ryan mais esperava: uma chance! Mas, calma, o reencontro não surgiu do nada. Por, talvez, um jogo do acaso, Vikki voltou para os EUA depois de 10 anos casada com um artista plástico como ela. Agora, separada e sem tantas perspectivas quanto gostaria, decide concorrer à uma bolsa que lhe daria fundo para continuar a trabalhar com sua arte. O problema é que um dos jurados da premiação estava assediando sexualmente a nossa protagonista lerdinha... e à quem ela recorre? Claro, o Ryan, seu melhor amigo há tempos!


                Apesar de não se encontrarem há anos, eles mantiveram uma comunicação constante através de telefonemas e emails. Dessa amizade já formada para algo mais profundo, diante de uma atração sexual evidente, não era necessário nem um pulo – na cama (ok, já entendi... trocadilhos, não). Esse histórico das personagens enriquece o enredo em vários aspectos, sendo que, primeiramente, deixa todo o romance – por mais louco que ele seja – mais plausível. Depois, as lembranças tanto de Vikki quanto de Ryan aparecem em diversos momentos da narrativa, algo que achei super legal. Enxergar um casal como algo que tem “história” por trás do sucesso de sua união, traz um sentimento bom ao leitor... Por mais que livros eróticos, principalmente os da série da Bella Andre, sirvam apenas como passatempo e não busquem qualquer tipo de profundidade, acho válido que a relação entre o casal soe, ao menos, minimamente próxima do que podemos encontrar na vida real. Esta característica não é constante nos mirabolantes romances da Bella, autora que tem sua série publicada pela editora Novo Conceito desde o primeiro livro.


                 O pecado do livro está no de sempre. A escrita da autora ainda me incomoda várias vezes, tanto por ser tão direta quanto por correr demais na finalização. Sempre tenho a impressão de que ela não sabia como terminar o livro, ai colocou qualquer coisa nas duas últimas páginas... Acho que é algo inerente à Bella, mesmo. rs' 


                Está procurando um clichê romântico de fácil leitura? Te recomendo Quero ser Seu, 6º livro de uma série que, bem verdade, somente agora começou a realmente me agradar. Te garanto que em pouquíssimas horas você acabará um livro leve, sem grandes dramas e que faz seu tempo livre voar junto com sua história, em contrapartida, sexy e de tirar o fôlego. Dessa vez a Bella Andre acertou tanto no enredo, com exceção do fim, quanto nas personagens! Estou louca mesmo é para ler o livro do próximo irmão, o que, até agora, mais me fascinou... E que venha o Smith Sullivan.  

3 comentários :

  1. Olá Arine *-*
    Como assim só te agradou agora? Não tenho nada para falar contra a Bella Andre, ela me agradou com seus livros desde o primeiro!
    Mas não li esse ainda, parei no anterior... Espero ler esse logo!
    E também estou louca para conhecer melhor o Smith Sullivan, o irmão mais lindo de todos *-*
    Ótima resenha :)
    Beijos,
    Ana M.
    http://addictiononbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, flor! Os livros anteriores da autora não me agradaram muito... Talvez por eu já ler muuitos livros do gênero, e sempre ficar fazendo comparações entre ela e, por exemplo, Lori Foster <3 hahahahaha' Mas é uma leitura válida para passar o tempo, como sempre digo. :)

      Obrigada pelo comentário!

      Beijos!

      Excluir
  2. Bom, eu ainda não li nenhum livro da Bella. Mas eu confesso que de tanto ouvir falar, e ver o sucesso que os livros dela estão fazendo, fico bastante curioso.
    Gostei da resenha, muito bem escrita e detalhada. Beijos!

    http://ymaia.blogspot.com.br/

    P.S.: A ENTREVISTA IRÁ AO AR NO DIA 29/12, ÀS 7H, NO MERGULHANDO NA LEITURA.

    ResponderExcluir