Harmony Clean Flat Responsive WordPress Blog Theme

Resenha | Lugar Nenhum (Neil Gaiman)

quarta-feira, abril 03, 2013 Naiane Aline 14 Comments Category : , , , , ,

Saudações!

                Lá vamos nós, caminhando para mais uma resenha super difícil de ser escrita, rsrs. Meu tempo tentando resenhar o livro foi quase maior do que o tempo que gastei para lê-lo! hahaha. Aguardo a opinião de vocês nos comentários =3

Lugar NenhumAutor: Neil Gaiman
Editora Conrad
336 páginas
Sinopse: Em 'Lugar Nenhum' Neil Gaiman conta a história de Richard Mayhew, um jovem escocês que vive uma vida normal em Londres. Tem um bom emprego e vai se casar com a mulher ideal. Uma noite, porém, ele encontra na rua uma misteriosa garota ferida e decide socorrê-la. Depois disso, parecer ter se tornado invisível para todas as outras pessoas. As poucas que notam sua presença não conseguem lembrar exatamente quem ele é. Sem emprego, noiva ou apartamento, é como se Richard não existisse mais. Pelo menos não nessa Londres. Sim, porque existe uma outra - a Londres-de-Baixo. Constituída de uma espécie de labirinto subterrâneo, entre canais de esgoto e estações de metrô abandonadas, essa outra Londres é povoada por monstros, monges, assassinos, nobres, párias e decaídos - e é para lá que Richard vai.


Lugar Nenhum, primeiro romance escrito por Neil Gaiman, mostra o porquê do sucesso e renome do autor. Comparado por alguns como sendo uma espécie de “Aline no País das Maravilhas com uma pegada punk”, o livro promete para o leitor muita fantasia, ação e, principalmente, muita Londres, enquanto acompanhamos as aventuras de Richard – personagem principal.

"Richard escreveu mentalmente em um diário imaginário. Querido diário – começou ele. Na sexta-feira eu tinha um emprego, uma noiva, uma casa e uma vida normal (bom, até o ponto em que a vida consegue ser normal). Então encontrei uma moça sangrando na calçada e tentei bancar o Bom Samaritano. Agora não tenho mais noiva, casa ou emprego, fico andando a esmo a uns sessenta metros abaixo das ruas de Londres e minha expectativa de vida é tão longa quanto a de uma drosófila suicida." 

                Richard Mayhew tem tudo que todos poderiam querer: apartamento próprio, um bom emprego e uma noiva que tem tudo para ser a esposa ideal (certo, a moça era uma megera, mas quem liga?). Porém, sua vida dá uma revira-volta quando, numa noite qualquer, ele encontra uma mulher ferida caída no meio da rua. Sua namorada, que estava bem ao seu lado, insistiu para que deixassem aquilo para lá, no entanto, Richard decide ajudar a jovem moça machucada. E é ai que tudo tem o seu inicio.

A moça, na verdade, era a Door, uma jovem que estava fugindo do encalço da morte, sendo perseguida por dois brutamontes cruéis. Como se não bastasse, Richard se descobre inesperadamente solteiro, já que sua namorada sentiu-se ultrajada ao máximo por nosso protagonista preferir ajudar uma moça mortalmente ferida do que sair para um jantar semi-romântico (que mulherzinha mais insuportável!). Então, sem namorada e com uma fugitiva dentro de casa, Richard descobre que o seu mundo – sua Londres – é muito maior e fantástica do que ele imagina, e acaba se envolvendo numa grande aventura com o objetivo de livrar a Door de seus perseguidores.

"Devemos ensinar nossos temores a nos temerem"

                Se para você o Richard parece o herói perfeito, um daqueles personagens bondosos ao extremo e prontos para sempre praticar o bem, sinto lhe dizer que está completamente enganado. Richard é um cara comum, que tem nojo de ratos, medo de assassinos e não gosta nem um pouco da ideia de que sua namorada acaba de lhe dar um fora. Porém, por aquele pequeno ato de ajuda à jovem Door, ele acaba se envolvendo num grande beco sem saída e é forçado (com provas físicas) a acreditar que há uma Londres-de-baixo, para onde vão os excluídos e esquecidos da Londres que ele realmente conhece. E é lá, nessa Londres-de-baixo, que ele encontra novas amizades e dá de cara com a morte diversas vezes.

"Eu sempre considerei a violência o último refúgio dos incompetentes e as ameaças vazias o último abrigo dos ineptos sem salvação."

                Não há dúvidas de que Neil Gaiman tem uma capacidade impressionante de criar um mundo totalmente mágico. Ao mesmo tempo que essa Londres-de-baixo é uma “cópia” da Londres convencional, ela também é um universo totalmente novo e diferente, de uma forma nunca vista antes. À cada página, uma nova loucura, um novo detalhe estranho, e lá está o leitor surpreso de novamente! Nada de florestas mágicas, o cenário é a vasta e imensa rede de esgotos de Londres, povoada com os mais diversos tipos de seres fantásticos e cheia de perigos. É nesse lugar que conhecemos as outras personagens do livro, todas muito cativantes e únicas, sem qualquer estereótipo. O Marquês De Carabas, Hunter, Old Bailey e até mesmo outras personagens secundárias de papeis menores, possuem uma importância crucial em todo desenrolar da história. Até mesmo os vilões são figuras difíceis de serem vistas em outros enredos, com aquela dose certa de humor, burrice e violência.

                Amei o livro e recomendo bastante! Neil Gaiman soube construir uma história inovadora, envolvente e divertida, sem tirar dela a dose de violência necessária para torná-la meio tenebrosa. Quem gosta de literatura fantástica, com certeza adorará o livro!

"Richard havia percebido que os acontecimentos são seres covardes. Eles nunca acontecem sozinhos: vêm numa matilha, pulando juntos sobre alguém ao mesmo tempo."

Nota: 10

RELATED POSTS

14 viciados comentaram

  1. Realmente não conhecia o livro, mas por falar de um escritor e Londres juntos já adorei de primeira. Apesar de Richard ser um pouco medroso, percebi que tbm é muito generoso. E entendo que não gostou da namorada dele rsrs , odeio gente mesquinha!

    Ps: Fala ai Ari se ele vai ficar com a Door? (:

    ResponderExcluir
  2. Esse é um livro que parece incrivelmente bom e sua resenha comprova Naia, achei que vou gostar dos personagens.

    ResponderExcluir
  3. Adorei a frase "Devemos ensinar nossos temores a nos temerem".
    Já li um dele há muito tempo, sem saber que era dele "A bela maldição" e também recomendo.
    Ele sabe prender a atenção e tem um enredo muito bom....

    ResponderExcluir
  4. Só pelos quotes já dá pra ver que o livro é bom!
    Não conhecia
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias
    Livroterapias

    ResponderExcluir
  5. Isso é que é escrever, pelo visto o livro é mesmo muito bom! Gostei do que vi dele até agora e quero ver se consigo ler também. A história é bem boa.

    ResponderExcluir
  6. Oiii!
    Adorei a resenha!
    E você falando que foi difícil escrevê-la...
    Está muito bem escrita. A história parece ser daquelas que nos surpreende e nos encanta em cada página. Eu ainda não tinha ouvido falar desse livro, mas ele já vai para minha lista. :)

    Bjos

    ResponderExcluir
  7. Me encantei com a história. Muito diferente de tudo que já li e tenho lido ultimamente. Adoro o cenário de Londres e este clima de mistério e fantasia "pé no chão".
    Gostei do personagem ser bastante humano, com falhas e medos. Também gostei do tal submundo. Tenho certeza de que vou me surpreender com a história quando tiver a oportunidade de ler.
    Vai para a lista!!! *-*
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Gostei do enredo, Não parece com nada que eu já tenha lido. Vou tentar lê-lo.

    ResponderExcluir
  9. Nunca ouvir falar desse autor, mas ele parece ser muito bom! Sinceramente esse livro parece ser muito surreal pra minha cabeça, uma outra Londres nos esgotos habitada por seres renegados pela real Londres, então fiquei sem expectativas pra ele, sem saber o que pensar do livro. Ainda assim gostaria de lê-lo porque adoro uma literatura fantástica e queria formar uma opinião concreta sobre a história!
    Achei interessante o fato do protagonista ser mais humano do que herói e consegui sentir o "amor" que você sentiu pela ex-noiva de Richard, kkkkk
    Ótima resenha =D

    ResponderExcluir
  10. Desconhecia a existência desse livro e amei. Neil Gaiman é sempre fantástico e o livro já está na minha lista de desejados.

    ;)

    http://pseudonimoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Ixi vi que vou amar o livrO: LONDON *-*. Tenho uma paixao com livros que abordam Londres como cenario!Apesar do autor ser novo pra mim me interessei pelo seu livro, me parece ser bom, vou colocar na lista.

    ResponderExcluir
  12. Nunca li nada do autor, sempre ouço bons comentários mas até hoje não pude saber porque. Que mulherzinha insuportável, meu Deus. Eu já tinha lido uma resenha, mas não me lembrava do que se tratava, mas me lembro de ficar interessada, e agora a curiosidade aumentou. Não vou correr pra comprar agora, por causa do meu $$ e porque tenho muita coisa aqui ainda para ler, mas espero conferir a leitura logo.

    ResponderExcluir
  13. Já tinha ouvido falar do autor, mas até hoje nunca li nada dele. E como eu gosto de literatura fantástica, acho que vou gostar desse.
    Fiquei curioso por essa Londres-de-baixo, deve ser bem interessante essas passagens do livro.
    E que criatura mais insuportável essa namorada dele, hein?!?! Rsrs

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  14. Eu sempre quis ler algo do Neil Gaiman, mesmo mesmo! Muitas vezes eu vi resenhas positivas sobre a narrativa dele, mas ainda não tive a oportunidade. Não imaginaria nada menor que uma avaliação nota 10 ;D

    Beijos Nai.

    ResponderExcluir