Harmony Clean Flat Responsive WordPress Blog Theme

Resenha | Toda Sua (Sylvia Day)

terça-feira, janeiro 15, 2013 Naiane Aline 10 Comments Category : , , , , ,


Saudações!
                Mais uma resenha... Faz umas duas semanas que li o livro, mas estava ainda tentando organizar minhas opiniões para, então, declará-las tão abertamente. Pois bem, leiam e verão [:

Toda SuaAutora: Sylvia Day
Editora Paralela
280 páginas
Sinopse: Eva Tramell tem 24 anos e acaba de conseguir um emprego em uma das maiores agências de publicidade dos Estados Unidos. Tudo parece correr de acordo com o plano, até que ela conhece o jovem bilionário Gideon Cross, o homem mais sexy que ela - e provavelmente qualquer outra pessoa - já viu. Gideon imediatamente se interessa por Eva, que faz tudo o que pode para resistir à tentação. Mas ele é lindo, forte, rico, bem-sucedido, poderoso e sempre consegue o que quer - Eva acaba se entregando. Uma relação intensa começa. O sexo é considerado por eles como incrível. Capaz de levar os dois a extremos a que jamais tinham chegado. E, então, eles se apaixonam - o que pode ser tanto a chave para um futuro feliz quanto a faísca que trará de volta os traumas do passado. 

Mais um livro recomendado somente para maiores de 18 anos. Dessa vez, digo, não recomendo o livro nem para estes. Toda Sua, basicamente um filme pornô passado para o formato de livro, me fez desistir completamente das recentes obras lançadas a partir do modismo de romance erótico... Isso, mesmo eu estando acostumada a ler romances de banca, olhe bem! Quer saber o que deu tão errado com esse livro? Pois bem, eu digo.

                Eva Tramell é uma mulher do tipo certinha, de passado meio complicado e que, por certo, não tem como prioridade os homens. Porém, após começar a trabalhar em seu novo emprego, ela se vê enfeitiçada pela beleza e masculinidade de Gideon Cross – nada mais, nada menos que o dono da empresa para a qual ela trabalha. E, como se não bastasse ela sentir-se tão  atraída por ele, o próprio também sente-se do mesmo jeito... e passa a persegui-la. E esse termo é o mais adequado!!

                O resultado dessa equação é bem visível. Eva e Gideon sentem-se tão atraídos, que começam logo por onde acham que deve começar: na cama. Na mesa de escritório também, se me permite acrescentar. E é ai que está o grande problema... Sentem-se atraídos, começam o namoro, passam o tempo livre na cama... E cadê o resto? Ai está o erro de toda narrativa do livro, que, apesar disso, é até bem fluida. Porém, mesmo quando a autora começa a mostrar os avanços no relacionamento de ambos personagens, isso não sai de maneira totalmente realista ou natural. O que deveria começar com uma amizade – ou, pelo menos, é isso que eu acho – começou e terminou com apenas sexo. Sexo e brigas; estas ultimas resolvidas à base de mais sexo.

                A relação dos personagens, como já falei, é bem estranha. Gideon é um cara totalmente... Bem, digamos que ele seja bem difícil de conviver. Um homem de passado complicado, com mais problemas que soluções nas mãos e, sim, de temperamento difícil. Porém, apesar dele ter sido mostrado como “o idiota que estragava tudo” no livro, achei-o mais suportável que a Eva. Não fui com a cara da moça nem no inicio do livro, e esse sentimento foi piorando com o passar das páginas. Gideon, apesar das idiotices que fazia, se desculpava logo em seguida; já Eva, só sabia fazer drama. Dramas que logo eram resolvidos – conseguem adivinhar? – na cama. Sempre na cama.

                O livro não é tão ruim quanto eu possa ter pintado. Acho que as garotas que curtiram 50 Tons,  também curtirão essa trilogia. Eu, particularmente, não gostei. Esperava mais romance, mais companheirismo, e não 280 páginas com mais de 80% das mesmas só com sexo. Monotonia é a ultima coisa que se pode esperar do livro, porém. Por incrível que pareça, não há um único momento de paz e tranquilidade no Toda Sua. À cada duas páginas, uma briga; e à cada briga, já sabemos o que se segue.

                Se você espera um bom romance, com cenas fofas e companheirismo entre o casal, evite decepções e não leia o livro. Só isso que digo.  

Nota: 7

RELATED POSTS

10 viciados comentaram

  1. 1-1 minha resenha foi completamente diferente da sua xp tenho que discordar da sua opiniao
    mas cada um le o que consegue né. por isso que digo que literatura adulta nao é pra todo mundo. pq se a pessoa nao ler de mente aberta claro que só vai pensar no sexo.

    ResponderExcluir
  2. Eu ri muito na sua resenha, muito boa.
    Eu sou uma garota que gosta de 50 tons, mas que concorda com você que esse livro ficou sexo x sexo e mais sexo.
    Ainda estou criando coragem de ler a continuação para ver se melhora.

    ResponderExcluir
  3. Adorei sua resenha e a sinceridade Nai rs Eu passo longe desse tipo de romance, sabia? Logo no começo da resenha já vi um pouco de 50 tons e não gostei. É isso, uma modinhané -.-
    Beijooos inha ><

    ResponderExcluir
  4. Eu sou bem suspeita a falar , porque esses tipos de livro são os meus preferidos, então eu amei toda sua, cinquenta tons e suas continuações. E todo o restante que veio a partir dele. kkkkkkkkkkkkkkk. Mas super respeito quem não curte.
    Beijos,
    Fernanda,
    www.lendoeesmalando.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Ri muito com sua resenha e com o fato de eu não ser a única a não gostar desse tipo de livro...concordo com vc quando falou do desenrolar do relacionamento...nunca li 50 tons, e não pretendo ler nenhum do gênero, justamente por isso: overdose de sexo e falta de algum conteúdo mais profundo...tipo, todo mundo gosta de ler sobre sexo, mas não quando o livro se torna um filme pornô! Mas respeito a opinião de quem gosta desse gênero, eles veem algo ue eu não vejo no tema...mas whatever!

    Aproveitando, indiquei o blog a uma TAG, espero que goste, akiestá o link http://pingentesdeilusao.blogspot.com.br/2013/01/selinho-e-tags.html

    ResponderExcluir
  6. Livros com esse tema sempre são bem polêmicos e consequentemente divide opiniões. Gostei da sinceridade da sua resenha.
    Beijos!!
    http://ymaia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Ler Toda Sua já não estava nos meus planos. Li um trecho (bem forte por sinal) faz algum tempo e apesar da autora ter habilidade para escrever as cenas, a riqueza em detalhes - que poderia ser um ponto forte para alguns - chega a ser um tanto nauseante. Sua resenha foi bem explicada, apesar da opinião negativa.

    Clara
    http://labsandtags.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Livros adultos tem que ser para pessoas com mente aberta. Cenas de sexo são muito exploradas hoje em dia, pois vende, e se você espera um romance bem legal no meio de tanta descrição sexual, melhor nem ler. eu ainda não li o livro, mas farei isso qualquer dia desses.

    ResponderExcluir
  9. Olá, estou passando para deixar o selinho que te indiquei lá no blog ^^

    http://universodekamy.blogspot.com.br/2013/01/selinho-incentivo-leitura.html

    ResponderExcluir
  10. Particularmente eu ainda não entendi o motivo desse tipo de livro ter feito tanto sucesso do nada, quando vim ler a resenha achei que era mais um do 50 tons, que alias eu também não gostei.

    http://vomitoverbal.posterous.com/
    http://www.escrevendoaospouquinhos.com.br/

    ResponderExcluir