#Andei Vendo Filme Cada um tem a gêmea que merece

3 comentários
                                                     Pôster do filme Cada um Tem a Gêmea que Merece
Gênero: Comédia
Duração: 91 min.
Origem: Estados Unidos
Estreia: 10 de Fevereiro de 2012
Direção: Dennis Dugan
Roteiro: Steve Koren e Robert Smigel
Distribuidora: Sony Pictures
Censura: 10 anos
Ano: 2011



Sinopse:
Jack (Adam Sandler) mora em Los Angeles com sua esposa Erin (Katie Holmes) e os filhos. Pacato homem de família e publicitário de sucesso, sua vida só muda radicalmente durante a comemoração do Dia de Ação de Graças. O motivo? A visitinha que sua irmã gêmea Jill (Adam Sandler), uma grosseirona moradora do Bronx, em Nova York, costuma fazer para ele. O pior é que todo mundo acha que eles são muito parecidos, mas Jack tem certeza que não e só quer distância dela. Agora, o ano passou e o calendário avisa: é hora de assar o peru e aturar as loucuras de sua maninha.

Resenha:
Desde a primeira vez que ouvi falar do filme, fiquei louca para ver. Preciso dizer o quanto adoro Adam Sandler? Acho-o demais – só pouco menos que Jim Carrey, claro, haha. Por isso, mesmo não gostando de ir ao cinema – lugar com muita gente junta realmente não é minha praia -, aceitei enfrentar aquele lugar barulhento e entulhado de gente (lê-se shopping Center) e ir ver o filme. Não me arrependi, com certeza! E, para minha sorte, o shopping estava vazio, rs.

                É difícil resenhar o filme. Talvez porque ele tenha uma estória muito simples, sem grandes objetivos. Ele foi feito para fazer os outros rirem, e é impossível você não dar risada das situações demonstradas durante o filme. E tudo começa com uma família mais ou menos normal (ou não, haha), Jack, sua esposa Erin e seus filhos. A família era feliz e Jack começava a crescer em sua carreira, quando o Dia de Ação de Graças chegou, e, junto com ele, a irmã gêmea de Jack, que passaria algum tempo em sua casa. Claro, Jack... não gosta muito da irmã. Não é que ele a odeie, mas a mulher é realmente muito estranha! Além de ser uma solteirona sem tamanho, acha que o computador é alguma tecnologia alienígena e cria um pássaro muito estranho. Ela é daquelas mulheres que gostam de estarem grudadas com seu irmão, o que faz Jack se irritar e pagar numa moeda contraria: o que ele mais faz é ironizar com a coitada. Haha. Porém, o que pode acontecer quando “encontros arranjados” entre Jill (a irmã gêmea de Jack) e homens conhecidos da internet dão errado? O que Jack fará ao descobrir que um famoso homem, que, com certeza, o ajudará acrescer ainda mais na carreira, está perdidamente apaixonado por sua irmã, e estaria disposto a fazer qualquer negócio em troca de se arranjar com Jill? O que poderá acontecer entre esses dois (estranhos) irmãos, quando as confusões começarem a rolar?

                Os personagens são simplesmente fascinantes! Muito engraçados! É tanta confusão, que nem conto, haha. O final foi muito legal e bem bonitinho, sem contar que a amizade entre os irmãos se intensificou de alguma forma. Era engraçado ver que algumas pessoas até achavam que Jill era homem, afinal, ela ia para academia e carregava não sei quantos mil quilos de peso nos braços, e jogava bola como ninguém. Haha. Enfim, o filme é bem leve e engraçado; nada para quem gosta de cosia mais “cabeça”, só um filme para você assistir e relaxar. Eu até me identifiquei um pouco com os gêmeos Jack e Jill, já que a diferença de idade entre eu e minha irmã é mínima e sempre fomos criadas como irmãs gêmeas, apesar de não nos parecermos muito, haha – minha mãe sempre comprava as mesmas roupas, os mesmos brinquedos, os mesmos sapatos, e sempre nos botava para andar juntas. Enfim, dá para ser mais gêmea que isso? Hahaha.
                Filme super recomendado!
P.S.: O titulo em português é bem melhor que o original. O original era algo como Jack e Jill... Sem graça.

Nota: 10

Ah, sim, aproveitando o post, vou logo dizendo que acabei de receber os kits de livros mandados pela editora parceira Novo Conceito, então, logo teremos resenha e a primeira promoção do blog, viu? Fiquem de olho, amores! 

3 comentários :

  1. Eu já adoro filmes com Adam Sandler, e depois da tua resenha e da tua nota 10, tenho a certeza que esse vai ser outro filme dele que vou amar.

    Beijãoo
    Magia Literária

    ResponderExcluir
  2. Estou doida pra ver esse filme *-*
    adoroo filmes com ele *-*

    ResponderExcluir
  3. Adam Sandler é sensacional, já baixei esse filme morrendo de vontade de ver, espero que seja bom =)

    ResponderExcluir