Os 10 melhores livros de 2011

Um comentário

Oi, leitoras(es) lindas(os)! O Natal já passou e o ano novo está chegando... Nesse ritmo, decidi fazer alguns posts especiais, dizendo quais os 10 melhores livros desse ano e, também, quais os 10 animes/mangás/doramas que tive o prazer de conhecer durante o ano de 2011. Alguns eu já fiz resenha, então, clicando no titulo do livro, você irá poder ler o que achei, mais profundamente, do livro. Então, vamos lá!

Os melhores livros do Ano 2011
            10º lugar

Água para ElefantesDesde que perdeu sua esposa, Jacob Jankowski vive numa casa de repouso, cercado por senhoras simpáticas, enfermeiras solícitas e fantasmas do passado. Por 70 anos Jacob guardou um segredo. Ele nunca falou a ninguém sobre os anos de sua juventude em que trabalhou no circo. Até agora.

Aos 23 anos, Jacob era um estudante de veterinária. Mas sua sorte muda quando seus pais morrem num acidente de carro. Órfão, sem dinheiro e sem ter para onde ir, ele deixa a faculdade antes de prestar os exames finais e acaba pulando em um trem em movimento - o Esquadrão Voador do circo Irmãos Benzini, o Maior Espetáculo da Terra.

Admitido para cuidar dos animais, Jacob sofrerá nas mãos do Tio Al, o empresário tirano do circo, e de August, o ora encantador, ora intratável chefe do setor dos animais.

É também sob as lonas dos Irmãos Benzini que Jacob vai se apaixonar duas vezes: primeiro por Marlena, a bela estrela do número dos cavalos e esposa de August, e depois por Rosie, a elefanta aparentemente estúpida que deveria ser a salvação do circo.

"Água para Elefantes" é tão envolvente que seus personagens continuam vivos muito depois de termos virado a última página. Sara Gruen nos transporta a um mundo misterioso e encantador, construído com tamanha riqueza de detalhes que é quase possível respirar sua atmosfera.

Resenhei esse livro muito recentemente, e sinto que ele devia, realmente, estar na minha lista de melhores livros do ano! Com uma escrita fluida e simples, a autora me cativou, de maneira que, acho, já estou com vontade de ler o outro livro dela.



9º LUGAR
O CORAÇÃO DO DRAGÃO

O Coração de DragãoUm encontro arrebatador, repleto de paixão e segredos!
 Lily estava decidida a descobrir sua verdadeira origem, mas não imaginava que sua busca a levaria aos domínios de lan ap Dafydd, um homem que a esperava com uma paixão tão selvagem quanto seu próprio nome.

Apelidado de Dragão, famoso por sua valentia quanto pela frieza com que
agia, lan viu sua vida se transformar quando conheceu o olhar enigmático dá misteriosa Lily, mulher de passado desconhecido futuro ainda mais misterioso. Ele sabia que não devia olhar duas vezes para ela... mas seus olhos Teimavam em segui-la aonde quer que ela fosse!





Acho que não cheguei a resenhar o livro, mas os personagens são os melhores! Um ótimo romance histórico, em que a mocinha é simplesmente adorável com aquele jeito destemido dela.



8º LUGAR

Paciente 67No verão de 1954, os xerifes Teddy Daniels e Chuck Aule chegam a Shutter Island para investigar a fuga de uma interna do Hospital Psiquiátrico Aschecliffe. Sem deixar vestígios, a assassina Rachel Solando escapou de um quarto vigiado e trancado à chave. O desaparecimento levanta uma série de suspeitas. Surgem rumores de que uma abordagem violenta da psiquiatria seria lá praticada.









Até hoje, não sei direito o que dizer do livro. Intrigante e misterioso são as melhores palavras que consigo achar para descrevê-lo - mesmo depois de tanto tempo. 

7º LUGAR

Desire Meu Amor


Personagens: Jack Herendon e Desire Sparhawk 

Desire Sparhawk
Achava que um inglês decente só morto. A simples visão de um uniforme britânico congelava-lhe o sangue. Mesmo assim, o capitão Jack Herendon fez o fogo correr em suas veias!

Jack Herendon
Jamais imaginara que sua inimiga americana fosse uma mescla de beleza, coragem e paixão. Na verdade, Desire era a mulher de seus sonhos... e a mulher a quem, por dever, ele deveria trair! 



Mais um romance histórico lindo, com uma estória fascinante e adorável. Impossivel não gostar dos personagens, mesmo que dêem raiva em algum momento. Simplesmente, perfeito.


6º LUGAR

O Romance da Rosa O cavaleiro Armand D'Avigny iria lembrar-se de Alexandria de Fontaine sempre que aspirasse o perfume de rosas.. e levaria para as cruzadas a lembrança da bela jovem que lhe salvou a vida. Agora, ao contemplar novamente o rosto encantado jurou que nunca se afastaria do lado de sua doce amada.
O coração de Alexa bateu mais forte ao reconhecer os olhos verdes de seu salvador. Mas, durante a fuga para a liberdade, soube que jamais poderia se entregar ao amor de Armand D'Avigny, porque o transformaria em vítima do inimigo que a estava perseguindo. Enquanto Pierre de Villiers, seu impiedoso raptor, vivesse, Alexa de Fontaine nunca seria uma mulher livre para amar!




Claire Delacroix é uma das melhores escritoras de romance histórico que eu conheço - isso para não dizer que é a melhor. Amo o jeito como ela escreve e como constrói os personagens, e como as estórias sempre são tão lindas - ainda mais essa, O Romance da Rosa. Um livro adorável que pretendo reler - afinal, as melhores coisas pedem bis, não?

5º LUGAR

Um toque de paixãoEle nunca viu o rosto dela…

 E ao conhecer o másculo e sedutor Brendan Reilly, um homem sem interesses ocultos, a ex modelo Lynne DeVane finalmente se sente tentada a retirar a máscara que usou por tanto tempo e mostrar quem ela é de verdade.
E mesmo assim, a entendia melhor do que qualquer outro.
Brendan queria confiar nela, mas a vida havia lhe ensinado a manter à distância das mulheres misteriosas… E se Lynne realmente desejava Brendan, teria de provar seu amor.








Recomendado por Pabline - e minha mãe (haha) -, decidi ler o livro e, concordo plenamente, a estória é muito linda! Gosto de livros que retratem personagens com algum tipo de deficiência... As estórias deles são sempre muito emocionantes, e os personagens costumam ser bem construídos e profundos.

4º LUGAR

O Jogo do AnjoAos 28 anos, desiludido no amor e na vida profissional e gravemente doente, o escritor David vive sozinho num casarão em ruínas. É quando surge em sua vida Andreas Corelli, um estrangeiro que se diz editor de livros. Sua origem exata é um mistério, mas sua fala é suave e sedutora. Ele promete a David muito dinheiro e sua simples aparição parece devolver a saúde ao escritor. Contudo, o que ele pede em troca não é pouco. E o preço real dessa encomenda é o que David precisará descobrir.

Em O Jogo do Anjo, o catalão Carlos Ruiz Zafón explora novamente a Barcelona do início do século XX, cenário de seu grande êxito internacional A Sombra do Vento, que vendeu mais de 10 milhões de exemplares em todo o mundo. Lançado este ano na Espanha, O Jogo do Anjo já ultrapassou a marca de um milhão de exemplares vendidos.

O que posso dizer?Um livro fascinante... e é isso.

3º LUGAR
(SÉRIE) CRÔNICAS DO MUNDO EMERSO (LICIA TROISI)

A Garota Da Terra Do VentoCom mais de 100 mil exemplares vendidos apenas na Itália, chega ao Brasil o bestseller A garota da Terra do Vento, primeiro volume da trilogia Crônicas do Mundo Emerso. A história da jovem guerreira Nihal – única sobrevivente da devastação imposta pelo Tirano à raça de semi-elfos – conquistou leitores da Itália, Alemanha, Portugal, Turquia e Espanha. Escrito pela jovem autora Lícia Troisi quando ela tinha apenas 23 anos, a trilogia segue os moldes dos grandes clássicos do gênero fantasia e promete encantar jovens e adultos com sua atmosfera de magia, mistério e heroísmo. 

Criada por um armeiro e envolta pelo mistério de nunca ter conhecido sua mãe, Nihal vive na Terra do Vento e passa seus dias brincando de fazer guerra com um grupo de amigos. A vida da jovem muda quando a torre onde vive é invadida e ela presencia a morte de Livon, o homem que a criou e que tanto amou. 

Disposta a vingar o extermínio de seu povo e a proteger os inocentes das tropas do tirano, Nihal decide tornar-se uma guerreira de verdade. Ela sabia que a invasão da Terra do Vento era mera questão de tempo, pois a guerra do Tirano já havia conquistado cinco das oito Terras Livres do Mundo Emerso. Para isso, a jovem se prepara estudando magia e treinando com afinco na Academia da Ordem dos Cavaleiros de Dragão da Terra do Sol. 

Nihal conta com sua infalível espada de cristal negro, forjada por Livon, o melhor armeiro da região, e com o inestimável apoio do seu fiel amigo Senar, o mais jovem integrante do Conselho dos Magos. Em sua busca, ela encontra ainda o amor pelo cavaleiro Fen e os ensinamentos do mestre Ido. 

A jovem Nihal enfrenta o preconceito dos homens e a dificuldade de lidar com sua feminilidade. A semi-elfo esforça-se ainda para encontrar uma razão para lutar que não seja somente a vingança. Ela chega a abandonar a guerra a fim de conhecer a vida em paz num povoado livre. Conhece a felicidade de viver sem rancor no coração
, mas volta aos campos de batalha. Seu destino já estava escrito havia muito tempo.

Li o livro no inicio do ano, o que significa que não fiz cheguei a resenhá-lo. Mas, é verdade, adorei-o tanto, que li os três livros da série em menos de uma semana! Me apaixonei pela personagem principal, Nihal, e nutri um amor anormal pelo lindo Senar. Não sei de qual dos dois gosto mais - apesar de, falando de caracteristicas mentais, ambos sejam um o inverso do outro. Aiai... bons tempos... Dá vontade de ler a série de novo (haha).

2º LUGAR

 Ao Abrigo de seus BraçosAbandonada quando criança, Roz Bennett nunca sentiu que pertencia a algum lugar. Justamente quando pensa estar sem sorte, sem dinheiro e com um carro quebrado no meio do nada, a sorte lhe sorri. Charmoso e impressionante, Mason Striker surge do nada e oferece um porto segro para Roz - cama confortável, comida deliciosa e um emprego. Além de tratar Roz como se ela fosse a mulher mais atraente e especial do mundo ! Pela primeira vez, Roz se sente amada, cuidada com carinho e muito desejada... Mas, se tudo está tão bem, por que uma voz dentro dela lhe diz que ela deve se proteger, caso dê tudo errado? Agora, Roz tem de enfrentar um grande desafio: lutar contra seu instinto e se permitir encontrar o verdadeiro amor!





Um livro fofo, com personagens e estória fofa! E, digo novamente: a capa é muito linda! 

1º LUGAR
EU SOU O MENSAGEIRO (MARKUS ZUSAK)

Eu Sou O Mensageiro Ed Kennedy leva uma vida medíocre, sem arroubos. Trabalha, joga cartas com cúmplices do tédio, apaixona-se por uma amiga que dorme com todos os vizinhos do subúrbio e divide apartamento com um cão velho. O pai alcoólatra morreu há pouco; a mãe parece desprezá-lo.

Certo dia, ele impede um assalto a banco e é celebrizado pela mídia. O ato heróico tem conseqüência. Logo depois, Ed recebe enigmáticas cartas de baralho pelo correio: uma seqüência de ases de ouros, paus, espadas, copas, cada qual contendo uma série de endereços ou charadas a serem decifradas. Após certa hesitação, rende-se ao desafio. Misteriosamente levado ao encontro de pessoas em dificuldades, devassa dramas íntimos que podem ser resolvidos por ele. Uma mulher é estuprada diariamente pelo marido, enquanto uma senhora de 82 anos afoga-se em solidão, à espera do companheiro, morto há mais de meio século.

A ele parece caber o papel do eleito, do salvador. Convencido disso, segue instruções e se perde entre ficções de estranhos e sua própria, embaçada, realidade. A certa altura pergunta-se: "Eu sou real?" Markus Zusak cria um personagem comovente capaz de confrontar o mistério e, por meio da solidariedade, empreender um épico que o levará ao centro de sua própria existência.

Markus Zusak é meu escritor favorito, e, creio eu, todos já ouviram falar de ao menos um dos livros dele: A menina que roubava livros. Li Eu sou o Mensageiro, justamente por A menina que Roubava Livros ser meu livro favorito (lido 5 vezes, neste período de dois anos que o conheço), e não me arrependi de ler esse outro livro do autor. Claro, Eu sou o Mensageiro não é tão bom quanto o best seller de Markus Zusak, mas a estória é cativante e Ed, o personagem principal, é um cara... Estranho (haha). O livro te deixa presa, do inicio ao fim, e você dá muitas risadas durante a leitura. O melhor livro do ano, com certeza.


Ass.: Arine-san






Um comentário :